sábado, 23 de julho de 2011

Tanto amo..'

Essa coisa de amor, está me latejando. Às vezes penso sinceramente em tirar férias disso tudo, dar um tempo para meu coração respirar, para lavar a alma. Essa coisa toda de amor, tem mexido muito comigo. Tem doído muito, embrulha meu estômago, me arranca calafrios, e Deus, me causa uma insônia danada.
Essa coisa de amor, tem me deixado angustiada, 'noiada' como diria a minha amiga. Não sei explicar o que é. Talvez seja a desesperadora necessidade de atenção que estou tendo, ou os dias frios de inverno. Como disse antes, não sei explicar. Mas tá doendo, tem doído. E o que eu faço? O que eu digo? Alguém ajuda por favor? Nunca fui muito a favor dessa história de "dar um tempo", não ando fazendo tic - tac por aí. Mas tô começando a achar que me distanciar um pouquinho vai ajudar. Acho que essa coisa toda muito "you and me together" não tem feito bem a relação. Tá certo que a gente tem que se jogar mesmo, mas acho que tô me jogando demais. Eu o amo, eu sei, ele sabe, mas agora, tem faltado alguma coisa. Ok, é muito lindo tudo isso de dar sem esperar nada em troca, mas meu bem, na prática, a teoria é outra. E assim não tem dado, tá doendo. Gosto de palavras, de declarações fofas, de cartinhas, de demonstrações de afeto mais explicitas. Tá, tô sabendo que cada um tem sua maneira de amar e de expressar seus sentimentos, mas no final, o amor é um só, certo? Então... o que tá faltando? Por que tá doendo? O que temos feito de errado? Não sei dizer, nem quero dizer mais nada no momento. Acho mesmo que vou me dar férias. Essa coisa toda de amor, tá doendo, tem doído muito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
UBERABA, mg, Brazil
Há sempre uma beleza rara Nesse ser tão menina tão mulher Se não posso dedilhar versos de dor Posso ser apenas eu Iluminar teu dia com o sol Sutilmente abraçar-te molhada Ser tua estrela, tua musa Entregar-me a ti para Compor-me em teus versos Versos de amor tão raro Escritos nessa noite mágica E nos teus olhos Refletir-me na imagem desse amor Por que amar É mais que fazer amor Vim te namorar Derreter-me em teus doces beijos Ser sua flor delicada Perder-me em você E nesse amor ardente, quente Tudo irradia quando me toca Nesse momento sou sua eternamente Deitados na relva molhada numa noite cheia de ESTRELAS...

Arquivo do blog

Seguidores