sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Depois de um tempo...


 ­- você se acostuma a ser forçado a parar de sonhar frequentemente, porque esses sonhos não se realizam. Se acostuma a ser obrigado a deixar de amar, ou pelo menos tentar, porque suas paixões nunca são correspondidas. Ou simplesmente se acostuma a desistir de teus objetivos. Mas a vida não aceita comodidades nem costumes. Então, a vida vem, e te traz todos os sonhos, paixões e objetivos de volta, só para vê-lo sofrer de novo. Porque a vida mais do que ninguem sabe que fortes são aqueles que sofrem, porque sabem que vão sobreviver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
UBERABA, mg, Brazil
Há sempre uma beleza rara Nesse ser tão menina tão mulher Se não posso dedilhar versos de dor Posso ser apenas eu Iluminar teu dia com o sol Sutilmente abraçar-te molhada Ser tua estrela, tua musa Entregar-me a ti para Compor-me em teus versos Versos de amor tão raro Escritos nessa noite mágica E nos teus olhos Refletir-me na imagem desse amor Por que amar É mais que fazer amor Vim te namorar Derreter-me em teus doces beijos Ser sua flor delicada Perder-me em você E nesse amor ardente, quente Tudo irradia quando me toca Nesse momento sou sua eternamente Deitados na relva molhada numa noite cheia de ESTRELAS...

Seguidores